quarta-feira, 18 de junho de 2014

Doce de morango

Há muito tempo que não partilhava, aqui, nada. Isso deve-se ao facto de estar a fazer uma dieta de emagrecimento, dieta com excelentes resultados. Mas ,como estamos numa época em que os frutos vermelhos abundam, especialmente para quem vive no campo...Pois é.... há imensos morangos. Fui apanhá-los logo de manhã e coloquei-os num escorredor e  depis abri a torneira. Só depois de lavados retirei os pedúnculos. De seguida fatiei-os. Por cada kilo da morango coloquei 700 gramas de açúcar, pau de canela e como o chocolate casa bem com os frutos vermelhos, adicionei uma pequena colher de cacau magro. Neste momento estã no fogão a ganhar ponto. Noutro tacho ao lado, os frascos e as respetivas tampas a esterelizar.Um aroma maravilhoso invade a cozinha :-)


sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Venda de cogumelos

Os terrenos onde nascem cogumelos no concelho de Mogadouro são, desde há uns anos para cá, invadidos por pessoas que os apanham desenfreadamente e os vendem para Espanha. Será que é legítimo a apanha de cogumelos por pessoas que não os proprietários? Será que as autoridades não querem atuar? A maior parte da apanha é feita por pessoas de etnia cigana,  mas não só. Por pessoas que invadem e colhem na propriedade de outras pessoas, ilegalmente..
Na quarta feira passada decidi apanhar cogumelos (lactarius deliciosus), que nascem abundantemente num pinhal , cuja propriedade é da minha família. Colhi-os com a intenção de os vender, já que me tinham assegurado que os pagariam a 3  euros, apesar de eu achar barato.
Levei-os a Mogadouro, ao local combinado e esperei pelo funcionário de uma empresa espanhola que os compra em Portugal..Quando  me diz o preço eu nem queria acreditar: Só pagavam 1 euro por Kilo.
Fiquei indignada, porque eles fazem o que lhes apetece, pagam ao preço que querem e mais, não se importam que sejam roubados.
Há muito por fazer neste  campo; para quando uma maior vigia dos campos por parte das autoridades, de forma a inibir esse roubo por parte de pessoas que se dedicam a colhê-los nos campos dos outros?
Destroem tudo, deixam os pinhais revirados e vão pontapeando os cogumelos não comestíveis...destruindo.
A culpa é de quem os compra a pessoas que não os proprietários: é dos espanhóis e dos donos de alguns restaurantes.
Na minha terra há um ditado popular que diz:" Tão ladrão é quem vai à horta como o que fica à porta".

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Guisado de setas( sanchas) com batata.


Ingredientes:
Setas, cebola, alho, batata, azeite, pimenta preta (q.b) e louro.
Deite azeite num tacho( eu fiz numa panela de ferro à lareira), e quando estiver quente deite a cebola que terá cortado previamente. Quando esta estiver translucida, deite as setas na panela e deixe refogar e adicione o alho. As setas vão largando líquido que servirá para cozinhar as batatas que acrescentará mais tarde. Quando estiverem meio cozinhadas deite as batatas cortadas em pedaços grosseiros e acrescente a pimenta e o louro.

domingo, 25 de dezembro de 2011

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Talassas

Ingredientes:
8 ovos
8 colheres de açúcar.
8 colheres de farinha
1 colherinha de fermento em pó.
 Confecção: Bater muito bem as gemas com o açúcar, Após isto, bater as claras em neve. Juntar a farinha ao açúcar e às gema,s misturando muito bem,Incorporar o fermento em pó nesta mistura. Por fim, adiccionar as claras em castelo a esta mistura. Aquecer a forma em cima da grelha e quando estiver bem roja, deitar uma colher desta massa no centro da forma e fecha-sea muito bem. Coloca-se novamente em cima da grelha e algum tempo depois vira-se.Quando a talassa estiver cozida, abre-se a forma e retira-se . Se não se desprender fácilmente, tenta-se fazê-lo com a ajuda de uma faca. Repete-se a operação  até se esgotar a massa.